Mídia indoor: Anúncios poderosos nos estabelecimentos que conversam com seu público

Mídia indoor: Anúncios poderosos nos estabelecimentos que conversam com seu público

A mídia indoor é um espaço para anúncios que se situa em ambientes fechados. Mas a diversidade destes ambientes é imensa: Pode ser uma academia, uma padaria, um restaurante, uma loja de conveniência, um supermercado, enfim, qualquer estabelecimento fechado (e que pode conversar diretamente com seu público). 

Sabe quando você está navegando em um site e vê um anúncio, estático ou em vídeo, que tem tudo a ver com você?

Obviamente, aquele anúncio não está ali por acaso. Inclusive, muitas vezes ele só aparece pois existe a intenção do anunciante de “pegar emprestado” as características que o site carrega para agregar valor do site ao produto anunciado. Se você gosta de música e está navegando em um portal de notícias desse mundo, faz sentido que um serviço de streaming de músicas, por exemplo, tente a conversão enquanto você navega através de um anúncio extremamente focado em sua persona.

O que permitiu isso tudo foi o surgimento da mídia programática. Através desta tecnologia, um anunciante consegue levar seus criativos a um público-alvo extremamente seleto através do cruzamento de diversos dados e selecionando data e hora exatas para veicular sua campanha, pensando sempre no melhor momento para impactar os consumidores. Não só isso, mas estes dados também trazem a liberdade de levar suas peças publicitárias apenas nos sites em que o anunciante acredita que seus clientes estão. Todos estes fatores, somados ao fato de se tratarem de espaços publicitários muito mais baratos que as mídias tradicionais, potencializam (e muito) o retorno sobre investimento (o famoso ROI) de uma campanha.

No entanto, como falamos em outros artigos aqui no blog, como por exemplo em O Presente da Publicidade é Programático, as mídias digitais 1:1, onde o anúncio é veiculado num dispositivo pessoal, passam por um momento de crise em função da saturação que as pessoas sentem cada vez mais em frente às telas de suas casas, aumentando o grau de rejeição e comprometendo o ROI destas campanhas.

Com isso, vem a necessidade de diversificar a parte de mídia das campanhas de publicidade. Mas não seria nada bom perder os diferenciais que o mundo digital nos oferece, certo?

E é aí que pode entrar o DOOH. Mas, mais precisamente, a mídia indoor.

Resumidamente, a mídia indoor é um espaço para anúncios que se situa em ambientes fechados. Mas a diversidade destes ambientes é imensa: Pode ser uma academia, uma padaria, um restaurante, uma loja de conveniência, um supermercado, enfim, qualquer estabelecimento fechado. 

A mídia indoor pode até ser analógica, em material físico, mas seu potencial realmente brilha neste contexto enquanto uma grande vertente da mídia DOOH (Digital Out of Home) programática. Principalmente no contexto que nos encontraremos em poucos meses a partir de agora (abril de 2021), com a saturação das telas mencionada no começo deste artigo e com o gradual (e muitíssimo aguardado) retorno às ruas. E eu vou explicar o por quê a seguir.

Primeiramente, é possível segmentar com muita facilidade o público que você quer atingir. Afinal, cada estabelecimento funciona para uma ocasião mais específica e, para uma mesma ocasião, os estabelecimentos podem atender nichos diferentes, como um atacado e um supermercado premium, como uma academia de região nobre e outra em uma região mais simples. Essa precisão permite que o anunciante agregue valor ao seu anúncio assimilando  as características destes estabelecimentos ao veicular. Já sabe onde eu vou chegar, né?

Vamos imaginar que você gostaria de anunciar um suplemento focado para fisiculturistas. Existe uma vasta gama de academias para todos os públicos que possuem telas de mídia indoor prontas para anunciar quando desejar… Mas existe uma rede que é famosa pelos treinos mais pesados e pelos atletas mais focados. Você também sabe que o comum é ter o período de maior movimento da academia entre 18 e 20 horas, mas conhece o ramo e sabe que os interessados no seu produto treinam a tarde inteira… É claro que você quer estar lá para eles! Todos que estiverem lá poderão associar você à ocasião do treino, às características do local e tudo o que ele significa para cada um que for impactado.

E isso é muito semelhante ao pensamento de um anúncio em um banner ou vídeo em um site, que pode aproveitar o ambiente gerado pela ocasião, público e local do anúncio para fortalecer o seu desempenho!

No entanto, é importante encarar com seriedade esta característica da mídia indoor. Também da mesma forma que na internet, é essencial certificar que seu anúncio será exibido em um ambiente que de fato agregue o valor desejado, ou o efeito pode ser reverso. Seja por conta da falta de afinidade do anunciante com o público do local, seja pela má experiência das pessoas com o estabelecimento em si. 

Resumidamente, muitas das vantagens da mídia digital estão presentes na mídia indoor ligada à programática. Sua campanha pode ser diversificada e, mesmo assim, não abrir mão da conveniência que a mídia digital 1:1 e trazer suas peças para uma mídia 1:n (uma inserção, múltiplos impactos).

As semelhanças não param por aí. Aqui na adMooH, temos uma plataforma que disponibiliza telas como esta com preço em CPM (Custo por Mil Impactos), que padroniza as telas de forma muito mais transparente e adequada à lógica da mídia programática. Isso facilita tanto no controle do faturamento por parte do veículo, como na parte do controle de verba para o anunciante, além da transparência deste processo, que beneficia os dois lados. Outras vantagens que a adMooH traz aos veículos estão aqui.

Para que isso tenha a melhor eficiência possível, é importantíssimo que o veículo de mídia também forneça um conteúdo cativante  para o nicho que frequenta o estabelecimento, afinal, a relevância daquele espaço publicitário será essencial para a performance do anúncio e, consequentemente, para o investimento dos anunciantes.

Já para o anunciante, existem alguns pontos importantes para garantir que sua campanha de mídia indoor seja aproveitada ao máximo. Da mesma forma que nas mídias digitais “tradicionais”, é importantíssimo aproveitar com sabedoria as características das telas escolhidas! Confira neste post (:

Por hoje, é só! Viram como é possível inovar em sua campanha sem abrir mão de muitas vantagens com esta tecnologia? Espero que tenham descoberto algo novo por aqui, e fiquem ligados em nosso blog para mais informações e atualidades como estas!

Comentários